PUBLICIDADE

GNR detém “ladrões de colmeias” e apreende armas e munições

A GNR de Beja anunciou a detenção de três homens, com idades compreendidas entre os 43 e os 70 anos. São suspeitos de posse de furto de colmeias, posse de armas proibidas e caça ilegal. A operação decorreu na freguesia de Cabeça Gorda.

Fonte do Comando Territorial de Beja da GNR avança que o Núcleo de Investigação Criminal da Guarda cumpriu diversos mandados de busca, emitidos no âmbito de uma investigação por furto de colmeias. Os mandados visaram um domicílio e dois armazéns, tendo encontrado 254 colmeias, alegadamente furtadas, avaliados em cerca de 40 mil euros.

De acordo com a mesma fonte, “durante o decorrer das diligências foi possível apurar a existência de colmeias furtadas no âmbito de outras denúncias, tendo sido possível restituir colmeias a sete apicultores, da zona do Alentejo e Algarve”. 

Durante a operação, os militares apreenderam ainda quatro armas de fogo, uma espingarda de pressão de ar, munições, um silenciador, duas miras telescópicas e uma armadilha de caça. “Foram, ainda, fiscalizados cinco canídeos tendo resultado na elaboração de dois autos de contraordenação relacionados com a falta de registo e com a falta de vacinação”, refere.

Tanto as armas como os cães seriam utilizados para a prática ilegal de caça.

Partilhar artigo:

edição mensal em papel

Opinião

PUBLICIDADE

© 2024 Alentejo Ilustrado. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por WebTech.

Assinar revista

Apoie o jornalismo independente. Assine a Alentejo Ilustrado durante um ano, por 30,00 euros (IVA e portes incluídos)

Pesquisar artigo

Procurar